Plano alimentar semanal para ajudar no exercício e perder a gordurinha difícil

Para quem deseja emagrecer, o primeiro passo é se comprometer com uma reeducação alimentar. Sendo assim, estabelecer um cardápio semanal torna-se muito importante para que você varie os pratos ao longo dos dias e evite desperdícios ou falta de ingredientes. Esse controle faz com que o processo fique mais fácil, econômico e interessante, pois é possível variar os alimentos dentro das porções determinadas no plano alimentar para a semana. Afinal, um dos principais desafios para as pessoas que querem perder peso são os cardápios pouco diversificados. Dietas restritas demais até podem garantir a eliminação rápida de alguns quilos, mas a probabilidade de você recuperar o peso com velocidade ainda maior é bem alta.

Veja as dicas a seguir e saiba como organizar suas refeições semanais para emagrecer.

A ideia é que qualquer um possa adaptar a dieta à sua rotina, seja dentro de casa ou em restaurante.

1) Saladas:

Salada

Na elaboração do cardápio, você deve garantir que as folhas e legumes usadas na salada não façam parte das demais preparações.

Segundo nutricionistas, essa categoria pode alternar entre:

• Folhas: alface, rúcula, agrião, escarola e radicci, entre outras;
• Legumes crus: cenoura, beterraba, rabanete, salsão, entre outros;
• Legumes cozidos: batata, cenoura, beterraba, entre outros;

Demais ingredientes que podem ser acrescentados com moderação: queijos, preferencialmente brancos, e frutas.

Recomendamos o seguinte video:

Siga essas 4 dicas incomuns para perder aquela Gordurinha Teimosa da Barriga.

Ver o Video

2) Prato principal:

Carne grelhada

 

O prato principal tem de contar com uma fonte de proteína. Entre as opções estão: carne, frango, peixe e ovos. Aqui, é essencial mudar o tipo de receita, bem como escolher cortes de carne diferentes para a semana.

Continua na próxima página…